as viuvas

CRÍTICA – As Viúvas

Após um assalto dar errado e matar todos os integrantes, suas viúvas agora se vêem na função de realizar um novo assalto para liquidar  dívidas dos maridos e se sustentarem daqui pra frente.

Dirigido por  Steve McQueen  (Shame, 12 Anos de Escravidão) e com um elenco pesadíssimo de estrelas como Viola Davis (desnecessário citar aqui algum trabalho dela), Liam Neeson (não mexa com a filha dele), Michelle Rodriguez (nossa eterna Letty), Daniel Kaluuya (CORRA!), Colin Farrell ( o Lagosta, Animais Fantásticos) e Jon Bernthal (O Justiceiro, The Walking Dead, Baby Driver) entre outros atores que você pode não lembrar o nome, mas você já cansou de ver na tela…

As Viúvas abriu o Festival de Cinema do Rio com uma versão muito bem dirigida de um filme de roubo que pode te lembrar levemente da Franquia Ocean’s.

Após a morte de seu marido, Verônica Rawlings (Viola Davis) encontra um caderno dele com todas as anotações de seus roubos realizados e planejados e resolve usar os passos dele para realizar um grande roubo que liquidaria suas dívidas e a ajudaria a se sustentar. Pra que dê certo, ela precisa de ajuda, então procura as viúvas de alguns dos homens que morreram junto com seu marido.

Cada personagem tem sua própria motivação pra aceitar a proposta e isso o filme desenvolve bem. Por outro lado, algumas motivações e backgrounds rasamente explicados acabam tirando a profundidade da história e a verdade é que são desnecessários pro enredo. Nem tudo precisa ser explicado, as vezes um casamento acaba sem razão… O ritmo da história se perde com essas explicações e saltos de personagens.

Já em relação à direção, só coisas lindas. A ideia não é ser óbvio. Em um momento você observa a conversa das personagens e a câmera se movimenta como se você estivesse presente na cena. Em outro caso, acontece um diálogo de uns 3 minutos dentro de um carro, mas o que você vê é o vidro da frente do carro em movimento, apenas isso. Essa cena é bem interessante, não é preciso ver os personagens pra entender a profundidade do diálogo.

Nos poucos momentos em que a fotografia esquenta, ela tem razão pra isso. Me confunde uma direção tão boa com uma história que não acompanha.

Alguns cortes são bem colocados e já te afundam na história, outros não cooperam e por um longo momento no segundo ato a barriga é grande e a história não se movimento.

O desfecho em si não é surpreendente, o filme te apresenta tudo o que vai acontecer no final e o que pra uns poderia ser um plot twist, na verdade é só a falta de atenção do expectador.

as viuvas d

No ano passado o filme que abriu o Festival de Cinema do Rio foi A Forma Da Água, vencedor do Oscar. Creio que esse ano a história não seja a mesma.

Viúvas é um filme de assalto com drama e empoderamento, atuações boas e excelente direção. Definitivamente vale o seu ingresso.

As Viúvas estréia no circuito brasileiro em 29 de Novembro.

As Viúvas

7.7

Roteiro

7.0/10

Direção

9.0/10

Fotografia

7.0/10

Pros

  • Otima direção

Cons

  • O roteiro peca
Total
0
Shares
Previous Article
WiFi Ralph Disney

CRÍTICA - WiFi Ralph: Quebrando a Internet

Next Article
worlds finest

Rocksteady estaria trabalhando em novo game! Superman: World's Finest!