EXTERMINADOR

Crítica | Exterminador: Cavaleiros e Dragões “Um dos mais fracos da DC”

Exterminador: Cavaleiros e Dragões apesar de estar em um patamar aceitável, tem problemas que geralmente as animações da DC não tem.

Dez anos atrás, Slade Wilson, conhecido como Exterminador, cometeu um erro em que sua esposa e seu filho pagaram o preço. Agora a família Wilson está ameaçada novamente pelos criminosos da H.I.V.E., quem vai pagar o preço agora?

Sendo fã de Marvel ou DC, não se pode negar que quando se fala de animações a DC está muito à frente. Embora eu seja fã dos filmes da Liga da Justiça dos Novos 52, “Exterminador: Cavaleiros e Dragões” talvez seja fraco se comparado com eles. Apesar do design dos personagens deixar a desejar, há características que rememoram os quadrinhos e que são muito bem vindos.

Os vilões são sempre vilões ou depende do ponto de vista? Quando se coloca um antagonista como personagem principal de um filme não é incomum querer torná-lo mais “humano”.

No filme isso é feito através da família do Slade, o código moral que ele se impôs e mostrando fragmentos do passado como por exemplo ele ter sido cobaia de experimentos científicos dos militares. Com cenas de ação boas, o filme peca com motivações fracas para unir as forças de Slade e a H.I.V.E. e por métodos que não fazem sentido algum: Quem iria se unir ao grupo que sequestrou o seu próprio filho? 

exterminador fmsw

Após um salto temporal de dez anos, onde a H.I.V.E. ressurge após o Exterminador ter a destruído. E pensando no bem do planeta, os roteiristas reutilizam o enredo do sequestro do filho, mas que agora não tem mais contato com o pai. Bom, não posso negar que houve um pequeno twist nesse segundo ato, mas nada muito surpreendente uma vez que a possibilidade desse twist foi apresentado no início do filme.

O último ato do filme, que é onde o clímax da luta principal ocorre, ao mesmo tempo que subverteu algumas das minhas expectativas, escolheu desfechos seguros demais. Embora seja um filmes animado, por ser tão explicito (+16) poderia explorar caminhos diferentes.

Exterminador: Cavaleiros e Dragões

Exterminador: Cavaleiros e Dragões
70 100 0 1
O mercenário e mestre assassino Slade Wilson tem duas vidas: como o matador de aluguel conhecido como Exterminador e como um dedicado pai de família. Quando esses dois mundos colidem por ação do grupo terrorista C.O.L.M.É.I.A., é o assassino em Slade que deve lutar para salvar quem ele ama e o que restou dele. Com sua alma despedaçada e seu filho mais novo em cativeiro, o Exterminador deve pagar por seus pecados do passado para poder vencer as batalhas do futuro!
O mercenário e mestre assassino Slade Wilson tem duas vidas: como o matador de aluguel conhecido como Exterminador e como um dedicado pai de família. Quando esses dois mundos colidem por ação do grupo terrorista C.O.L.M.É.I.A., é o assassino em Slade que deve lutar para salvar quem ele ama e o que restou dele. Com sua alma despedaçada e seu filho mais novo em cativeiro, o Exterminador deve pagar por seus pecados do passado para poder vencer as batalhas do futuro!
70/100
NOTA FINAL
Good

Com cenas e voice acting muito bons, mas um roteiro e design fracos, “Exterminador: Cavaleiros e Dragões” é um filme para quando você quer ver algo e não necessariamente queira refletir muito, só queira se entreter. 

As cenas de ação são bem gráficas, então se você for sensível a este tipo de conteúdo talvez seja melhor pular esse filme. A minha suspensão de descrença foi utilizada em muitos momentos.

Exterminador: Cavaleiros e Dragões está disponível para aluguel e compra em plataformas online.

*Vimos o filme online com dublagem americana a partir de uma plataforma exclusiva para a imprensa da WarnerMedia.

Total
1
Shares
Previous Article
xbox compra bethesda

Phil Spencer diz que futuros jogos da Bethesda serão exclusivos do Game Pass

Next Article
kiersey clemons iris west

Kiersey Clemons vai voltar como Iris West no filme do Flash

Related Posts
oxigenio
Leia

Crítica | Oxigênio

A ficção científica francesa impressiona ao se expandir tanto no macro quanto no micro.
Total
1
Share