game of thrones

Game of Thrones: T 8 – EP 2 “Quero fazer sexo antes de morrer”

O inverno está aqui, e também a guerra por Winterfell – quase, pelo menos. 

Nos momentos finais do segundo episódio da temporada final, Game of Thrones finalmente cumpriu uma de suas mais antigas promessas: guerra total entre os exércitos dos vivos e dos mortos, com a Casa Stark como o campo de batalha. Corpos estão destinados a cair, bem como a neve que os Starks estão sempre alertando a todos. Felizmente, nenhum corpo caiu ainda, o que estava longe de ser uma certeza para o episódio, dadas as notas finais da estréia da temporada: Jaime Lannister (Nikolaj Coster-Waldau) chegando em Winterfell e se reunindo com Bran Stark (Isaac Hempstead Wright), o garoto que ele empurrou pela janela há tanto tempo.

O destino de Jaime foi um dos maiores pontos de interrogação na segunda semana da temporada final, com tantos personagens diferentes se destacando com motivos para querer o homem morto: Daenerys Targaryen (Emilia Clarke), por exemplo, cujo pai foi assassinado por Jaime. muito tempo atras. Sua ira contra o Regicida foi uma das marcas do trailer do episódio. Como essa ira acabou? 

Tudo começa como brincadeira: Jaime em pé diante das forças reunidas em Winterfell, recebendo algumas perguntas duras. Além do Regicida, Daenerys quer saber mais sobre por que Jaime está aqui sozinho, sem qualquer outra ajuda, como prometido por Cersei (Lena Headey). Jaime confessou: ela mentiu e nunca pretendeu enviar ajuda aos exércitos dos vivos. Em vez disso, ela reuniu uma força formada por Euron Greyjoy (Pilou Asbaek), sua frota e 20.000 homens da Golden Company: “Mesmo se derrotarmos os mortos, ela terá mais do que suficiente para destruir os sobreviventes”.

Mesmo com essa informação na mesa, o papel de Jaime continua em questão. Ele mantém seu juramento de continuar lutando pelos vivos, mas isso não é suficiente para Daenerys, mesmo com Tyrion (Peter Dinklage) garantindo em nome de seu irmão. Em um raro movimento de solidariedade, Sansa (Sophie Turner) concorda com Daenerys que Jaime não pode lutar por sua causa, não depois de toda a dor que causou àos Starks. Por sua parte, Jaime não vai pedir desculpas, afirmando que ele fez tudo ao seu alcance para lutar por sua família.

“As coisas que fazemos por amor”, Bran murmura, ecoando as palavras de Jaime proferidas logo antes do fatídico impulso de todas aquelas temporadas atrás. Ele deixa lá, por enquanto.

Brienne de Tarth (Gwendoline Christie), por sua vez, vai a frente do seu velho amigo. Ela expõe todas as maneiras pelas quais Jaime salvou sua vida durante seu tempo juntos na estrada, e até creditou a Jaime pela própria sobrevivência de Sansa: “Ele me armou, armou-me e me enviou para encontrá-la e levá-la para casa, tudo porque ele jurara em um juramento a sua mãe” Quando Brienne diz que confia em Jaime sua vida, Sansa paga a confiança “Eu confio em você com a minha vida. Se você confiar nele com a sua, devemos deixá-lo ficar”. Daenerys olha para Jon Snow (Kit Harington) para um aliado, mas ele está firmemente ao lado de Sansa: “Precisamos de todo homem que pudermos conseguir”.

Com isso, Jaime permitiu permanecer em Winterfell, cabeça intacta. Algumas cenas depois, Jaime procura Bran no bosque e pergunta por que ele não revelou mais sobre o que aconteceu entre eles. Bran tem uma resposta sólida: “Você não será capaz de nos ajudar nessa luta se eu deixar que eles matem você primeiro”.

Em seguida, os irmãos Lannister compartilham algum tempo juntos, olhando para Winterfell e fazendo um balanço de suas prováveis ​​mortes. De sua parte, Tyrion se consola sabendo que ele não vai morrer do jeito que Cersei quer. Para Jaime, ele tem outros assuntos em mente: Brienne. Ele a procura e pede que ela permita que ele lute sob seu comando durante a batalha contra os White Walkers. É um momento comovente, mas um que empalidece em comparação com a cena posterior em que Jaime unge Brienne como um cavaleiro dos Sete Reinos, na frente de um grupo reunido de amigos improváveis.

game of thrones kfnkd

Após o drama de Jaime, Daenerys está compreensivelmente descontente com a forma como tudo aconteceu. Ela está especialmente furiosa com Tyrion, ameaçando seu status de Mão da Rainha. Tyrion ganha um improvável aliado em Jorah Mormont (Iain Glen), que implora a Daenerys que reconsidere sua fúria. Além do mais, ele quer que Daenerys pense em ter outra chance de fazer amizade com Sansa, a Lady de Winterfell, que claramente não é a maior fã dela.

Em particular, Daenerys e Sansa finalmente se encontram sozinhas e vai muito melhor do que o esperado. Ambos concordam sobre a boa natureza de Tyrion, embora Daenerys enfatize que ela também valoriza a inteligência de Tyrion e sua crueldade ocasional. Eles se unem por sua força compartilhada como líderes em um mundo dominado por homens. Eles claramente têm amor por Jon Snow em comum também. 

Risos à parte, um grande obstáculo fica no caminho da paz entre Sansa e Daenerys: a soberania do norte. Sansa quer saber o que acontece com seu pessoal quando Dany conquistar o Trono de Ferro. Eles serão livres? Dany não tem a chance de responder, mas a expressão no rosto dela deixa a resposta bastante clara. 

Logo, os três guerreiros de Tormund Giantsbane (Kristofer Hivju), Beric Dondarrion (Richard Dormer) e Dolorous Edd (Ben Crompton) chegam em Winterfell com notícias sombrias: o Night King está em movimento e seu exército chegará antes do sol nascer. Isso leva a uma reunião das mentes, enquanto todos elaboram estratégias sobre a melhor forma de lidar com a próxima batalha. Jon postula uma teoria que matar o Rei da Noite mataria todos os outros mortos. 

Mas como atrair o Rei da Noite para o céu aberto? Bran Stark tem um plano: ele vai agir como isca, já que o Rei da Noite não quer nada além de destruir o Corvo de Três Olhos: “Ele quer apagar este mundo, e eu sou sua memória”. O plano é definido: Bran vai esperar no godswood, com Theon (Alfie Allen) e seus aliados.

Arya Stark (Maisie Williams) primeiro compartilha uma bebida com o Hound (Rory McCann), e acaba abandonando a festa quando Beric aparece com suas “miseráveis” palhaçadas do Lord of Light. Arya então se encontra com Gendry (Joe Dempsie) e fecha o acordo com sua paixão adolescente. “Nós provavelmente vamos morrer logo. Eu quero saber como é antes disso acontecer”, ela diz, logo antes de beijar e dormir com Gendry.

A primeira e única conversa de Daenerys e Jon Snow, pouco antes do episódio se encerrar. Eles se encontram nas criptas, em pé diante do túmulo de Lyanna Stark, a mãe secreta de Jon. Daenerys descobre porque Jon tem agido com frieza em relação a ela: ele acaba de descobrir a verdade sobre sua herança secreta de Targaryen, que ele revela para Daenerys. 

A notícia chega com toda a força que se pode esperar: a descrença no início e depois uma mistura de medo e fúria. “Se é verdade”, ela diz, “isso faria de você o último herdeiro da Casa Targaryen. Você teria uma reivindicação ao Trono de Ferro.”

Game of Thrones tera no proximo domingo o seu terceiro episodio da ultima temporada exibido pela HBO.


Total
0
Shares
Previous Article
gameofthronesseason8v1

Game of Thrones - Segundo episodio da oitava temporada vazou na net

Next Article
maxresdefault 1

Detetive Pikachu tem clipe da música tema revelado

Related Posts