Knull Venom feature

King in Black | Grande mudança sobre o papel de Venom no Universo Marvel

Em uma recente edição dos quadrinhos, Eddie Brock se reuniu com um velho amigo, que o convenceu a assumir um novo status quo.

Quando Eddie se uniu pela primeira vez com o simbionte que o transformaria em Venom, ele se tornou um perigoso vilão para o Homem-Aranha. Contudo, com o decorrer do tempo, ele se “converteu” para o bem, como uma espécie de anti-herói, que mesmo monstruoso usou seus poderes para ajudar aos outros. Então, em 2018 foi lançada uma nova história de Donny Cates e Ryan Stegman, que afastaram o personagem do prisma da “maldade”, para torná-lo um verdadeiro super-herói.

Atenção: Os parágrafos a seguir contêm spoilers.

Não se pode negar que tem sido um longo e complicado caminho para Eddie Brock, que “lutou” contra o seu passado de vilão. No entanto, ele deu grandes “saltos” nesse novo título, em que agora, na edição #33 dos quadrinhos, Venom não é mais um vilão, ou um anti-herói.

Após os acontecimentos iniciais de King in Black, Eddie Brock foi morto. Felizmente uma parte dele vivia dentro da “mente simbiótica” da colmeia de Knull, graças ao seu códex, permitindo assim que sua “consciência” sobrevivesse. Agora preso em outra dimensão, Eddie encontrou dois velhos amigos, Rex Strickland, que conheceu no início da narrativa do título de 2018, e Flash Thompson, antigo conhecido e hospedeiro de Venom, um verdadeiro herói.

23 min compressed compressed min

Agora com os três reunidos na colmeia de simbiontes, Eddie, Flash e Rex lutam contra Knull, na “casa do vilão” em Venom #33. De imediato, Brock elabora um plano perigoso que os ajudará a voltar ao mundo da superfície, entretanto, tal ideia envolve sequestrar os simbiontes monstruosos de seu inimigo.

Eddie está pronto para ir à missão, que Rex descreve como suicida, mas Flash o impede, insistindo que quem deve lutar é ele, já que tudo isso faz parte de seu propósito. Claro que Brock é contra de seu companheiro ir e morrer em seu lugar, uma vez que diz: “Você merece mais do que isso. Você é um herói, Flash, eu não sou…”.

Mas antes que pudesse terminar Flash o corta, dizendo para ele parar de questionar e duvidar de si mesmo, além de lembrá-lo de todo o bem que fez nos últimos três anos, de o que superou, dos vilões que derrotou e de tudo o que sacrificou, provando mais do que nunca, que é um verdadeiro herói.

“Você é um herói, Eddie. Você é Venom”.

15 min compressed min

Por um momento, Eddie considera suas palavras e responde com um sorriso. Para os fãs que acompanharam as histórias do personagem viram sua luta para ser alguém melhor, parecendo sempre que algo o segurava. Agora, notamos que o “elemento bloqueador” era a aprovação de Flash Thompson, que o “nomeou” como o verdadeiro Venom, e mais importante, como herói. Logo, de vilão, Eddie se tornou anti-herói, para agora conquistar sua redenção como um super-herói da Marvel!

Venom #33, já se encontra a venda nas lojas físicas e digitais dos EUA.

Total
0
Shares
Previous Article
Dota Dragons Blood Anime Netflix CDL 1280x720 01

DOTA: Dragon's Blood, nova série da Netflix, ganha teaser

Next Article
Caos Inicio Tom Holland Daisy Ridley CDL 1280x720 01

Mundo em Caos, com Tom Holland e Daisy Ridley, tem novo trailer

Related Posts
Total
0
Share