liga da justiça snyder cut dc warner hbo max CDL 1920x1080 01

Liga da Justiça de Zack Snyder não terá refilmagens

Ao contrário do que foi espalhado recentemente na internet, a versão de Zack Snyder para Liga da Justiça não terá cenas regravadas pela produção. Assim, o diretor terá que usar somente o material bruto que foi descartado no corte original do longa.

A informação veio do jornalista Umberto Gonzalez em seu podcast publicado pelo site The Wrap, onde ele dá mais detalhes do que podemos esperar do projeto. Segundo Gonzalez, Snyder até chegou a deslumbrar a refilmagem de algumas cenas, além de gravar algum conteúdo adicional com o elenco, o que veementemente vetado pela HBO Max. A ideia da plataforma, o que tudo indica, é de que o orçamento extra servirá para a finalização de efeitos especiais, gravação de trilha sonora e até a adição de diálogos gravados em estúdio.

“Não vai haver nenhuma refilmagem com nenhum ator. É apenas diálogo adicional”, revelou o jornalista. “Snyder queria regravar e queria fazer cenas adicionais, mas o HBO Max disse: ‘Não, isso não vai acontecer. Te daremos o dinheiro para a pós-produção, os efeitos, a trilha sonora e até mesmo diálogos adicionais, mas não haverá refilmagens de nenhum tipo nesse filme’”.

Em outro trecho do podcast, Umberto revelou que o trabalho de Snyder dentro do Universo Estendido da DC será encerrado neste filme, não influenciando os demais projetos cinematográficos da franquia: “O filme está finalizado basicamente. Basta apenas encerrar o ciclo e concluir a história. Pode ser que não seja toda a história, uma vez que ele tinha uma ideia para fazer de três a cinco filmes. Mas esse universo do Zack Snyder, como digo, vai acabar no Snyder Cut. Não esperem nenhuma espécie de derivado, como um longa do Batman ou com Ben Affleck.”

Ainda não está claro qual será a forma de como será exibida o projeto. Para finalizar a visão do diretor, o estúdio entregou cerca de US$20-30 milhões para que pudesse trazer de volta o elenco original e assim gravar novas linhas de diálogo. Além disso, a produção pode chegar tanto em uma versão de longa-metragem ou então no formato de uma minissérie em seis partes.

Afastado do filme por conta do suicídio da sua filha, Zack e sua esposa Deborah Snyder – que também produziu o longa – não chegaram a finalizar totalmente o projeto. Joss Wheldon, diretor de Vingadores e Vingadores: Era de Ultron, foi chamado pela Warner para refilmar boa parte da produção, mudando assim acontecimentos previstos no roteiro original do filme, assim como refazer cenas importantes da trama. Snyder revelou recentemente que jamais viu a versão que saiu para o cinema, sempre dando a entender que gostaria de exibir ao público a sua visão dos heróis.

Liga da Justiça recebeu críticas mistas da mídia especializada na época de seu lançamento, com destaque positivo às atuações de Gal Gadot (Mulher-Maravilha) e Ezra Miller (Flash), as sequências de ação e os efeitos visuais, enquanto que o enredo, a narrativa, o ritmo, o vilão e o excessivo uso de efeitos especiais foram recebidos de forma negativa. Arrecadando mais de US$ 657 milhões mundialmente, sendo assim o décimo quarto longa-metragem de maior bilheteria daquele ano, ficou abaixo das expectativas do estúdio (com perdas estimadas entre US$ 50 e US$ 100 milhões) e é o título de menor receita do então universo estendido da DC Comics no cinema.

Liga da Justiça: Snyder Cut chega em 2021 na HBO Max.

Total
0
Shares
Previous Article
liga da justiça superman

Liga da Justiça: Snyder Cut | Fãs estão destruindo o blu-ray da versão de Joss Whedon

Next Article
emma slider 1021x462 1

Fundação do Câncer Infantil lança HQ educacional

Related Posts