Connect with us
Rodrigo Roddick

Published

on

Em comunicado divulgado no próprio blog na segunda-feira (22), a editora LeYa informou uma triste notícia aos leitores de fantasia: Brandon Sanderson não fará mais parte do selo e suas obras não serão mais publicadas pela editora. Ela explicou que a venda dos títulos não sustenta a produção em escala industrial. O autor possuía a série Mistborn e o romance Elantris nesta casa editorial. A saga Coração de Aço, no entanto, foi publicada pela editora Aleph. Já o livro Skyward é impresso pela editora Planeta.

“Com muita tristeza decidimos não nos alongarmos mais nas tentativas de manter, sob o nosso selo, a obra de Brandon Sanderson. Hoje o autor está liberado para procurar outra editora no Brasil e conta com a nossa absoluta torcida e apoio.

Nenhum profissional do mercado editorial trabalha diariamente para dar essa notícia e toda a nossa equipe lamenta muito não prosseguirmos com a edição da obra de Brandon Sanderson no Brasil” manifesta a editora.

Autor Brandon Sanderson | Créditos: Savanna Sorensen (BYU)

A LeYa atribuiu essa decisão à “retração da literatura fantástica no mundo”, explicando que o momento pandêmico atual maximizou este processo, o que resultou na baixa venda dos livros de Sanderson.

É uma situação delicada para a editora que sempre teve uma presença forte no universo literário de fantasia com os livros de George R. R. Martin, autor que escreveu As Crônicas de Gelo e Fogo, nas quais a série Game of Thrones se baseou. A LeYa publicou os livros de Martin mesmo antes do sucesso da série, que elevou as vendas dos livros.

Porém, a mudança de casa editorial dos títulos de Martin no ano passado para a Suma de Letras, selo pertencente à Companhia das Letras, já revelava a preocupação da LeYa com enfraquecimento do gênero fantástico no cenário mundial. Sua atual decisão de deixar os livros de Brandon Sanderson parece corroborar a apreensão da editora.

Os números relacionados a Sanderson no Brasil também podem ter pesado na decisão. De 2013 para cá, as vendas das obras do autor somaram pouco mais de 30 mil exemplares concernentes à LeYa, segundo estatística da Nielsen. Um volume que, de acordo com a editora, não sustenta os gastos editorais em larga escala, ainda mais de livros que compõem volumosas sagas.

Ainda não se sabe se Mistborn e Elantris partirão para uma nova editora, mas é importante lembrar que Brandon Sanderson foi escolhido para continuar a saga A Roda do Tempo, de Robert Jordan, portanto o nome do autor pode surgir dentro da Intrínseca no futuro, caso a editora dê prosseguimento às publicações da série.

Confira o comunicado da LeYa na íntegra.

Advertisement
Comments

Instagram

Parceiros Editorias

Mais lidas