Connect with us

Tempo

Vivo Keyd assume a vice-liderança. RPD, INTZ e KBM empatadas em último na tabela

Eduardo Seroa

Published

on

A oitava rodada do CBLoL começa com um espetáculo: paiN contra Flamengo. E logo durante o draft, tivemos uma surpresa: Volibear suporte no CBLoL na mão do Luci, o suporte do Flamengo. O Flamengo começou o jogo extremamente agressivo, forçando dive em ambas as rotas laterais. Com o começo de jogo rápido e explosivo do Flamengo graças às rotações do Ranger e do Luci, o Flamengo controla totalmente os objetivos neutros, pegando três dragões e dois arautos. O Flamengo conseguiu se segurar um pouco contra o ímpeto do Flamengo, e ganhou uma luta cinco contra cinco que os botou de novo ao jogo. Porém logo depois, o Flamengo pega seu quarto dragão e pega a alma do dragão de fogo. Com essa vantagem, o jogo é praticamente garantido pelo Flamengo. A Pain ainda tentou uma última jogada desesperada, emboscando o caçador do FLA, Ranger, e forçando o barão. O Flamengo respondeu a tentativa da Pain e saiu com quatro abates e o barão, sem perder nenhum dos jogadores. O jogo se encerrou com a vitória do FLA um pouco depois do barão, com a Pain fraca demais para contestar a força da equipe rubro-negra.
No segundo jogo da rodada, um embate entre a parte debaixo da tabela: Redemption contra INTZ. Ambos os times estão tendo péssimas atuações, com problemas graves dentro de jogo. O jogo começa com algumas lutas em todos os lugares do mapa com a Redemption levando a melhor, porém os dois primeiros dragões do jogo ficaram na mão da INTZ. O jogo seguiu empatado, com os times parelhos em ouro e algumas eliminações que não resultaram em nada, até uma luta que a INTZ saiu na frente e conseguiu fazer o barão. Com a pressão do Barão, a INTZ conseguiu ir minando a base da Redemption e, com a pressão do pick de Camille nas mãos do Tiancy, jogador do topo da INTZ, e a falta de resposta da Redemption, a INTZ levou o jogo onde os dois times pareciam estar cautelosos demais.
No terceiro confronto do dia, Keyd enfrenta a PRG. Ambos os times vêm em boa fase e o jogo começou com Yampi, caçador da selva da PRG de lee sin, invadindo e tentando tirar recurso do caçador da keyD, Grell. A Keyd conseguiu ler os movimentos e impedir as jogadas que a PRG tentou armar, comprando tempo até a primeira luta importante do jogo: Uma luta no rio onde os guerreiros da Keyd perderam o dragão, mas pegaram alguns abates no time da PRG e a pressão do jogo. A Keyd consegue controlar bem o mapa e não cai em nenhuma luta desfavorável, deixando a Camille livre para puxar a rota lateral com a cobertura da Sejuani. A Keyd se junta para lutar o segundo dragão, e novamente perde o dragão mas ganha a luta. Em um movimento do time da PRG para tentar aliviar a pressão que a Camille estava criando na rota inferior, quatro jogadores se moveram para lá sem sucesso. Como resposta, a Keyd já estava preparada para fazer o Barão escondido. Quando a PRG se deu conta, tentou responder a tentativa de Barão dos guerreiros da Keyd. Foi uma jogada desastrosa para a PRG, perdendo não só o Barão como vários jogadores. Após o Barão, a Keyd controlou aproveitou a vantagem e o jogo se resumiu em lutas em volta dos jogadores do topo. O jogo terminou em um backdoor incrível por parte do time da Keyd, onde os guerreiros ameaçaram fazer o segundo Barão e, quando a PRG chegou para contestar, Robo e Nosferus usaram o teleporte para puxar junto dos super minions que já estavam dentro da base do time da Prodigy enquanto o resto do time segurou a volta à base dos campeões inimigos.
O último jogo do dia é protagonizado por Kabum e Furia. Com a entrada de Sting na posição de caçador, o time da Furia parece ter mudado extremamente. A Furia tem um começo de jogo muito mais agressivo, forçando lutas pelo mapa. A Kabum, que tinha como sua força principal o começo de jogo, pareceu ficar um pouco atordoada com a Furia e começou o jogo atrás. A Furia continuou a forçar as torres do time da Kabum, rotacionando quatro membros do time para levar tais objetivos. Após a agressividade inicial da Furia, o ritmo do jogo ficou mais lento e a Kabum conseguiu respirar no jogo. No meio de jogo, quem começou a ditar o ritmo do jogo foi, impressionantemente, a Kabum. Devido às decisões ruins tanto no draft quanto dentro de jogo, a Furia perdeu o controle da partida. A Kabum conseguiu pegar quatro dragões de montanha, obtendo a alma do dragão e o Barão. A Kabum, que não deixa os erros graves da Furia passar em branco, agradece pela partida e leva a vitória.

Advertisement
Comments

Parceiros Editorias

Mais lidas